Governança
Cooperativa

Regras e práticas que orientam.
É o conjunto de regras e práticas que orientam todas as operações da Sicoob Credicitrus, incluindo manuais de procedimentos, formulários, normas legais e os compromissos éticos assumidos por toda a sua equipe profissional. A governança se apoia em quatro princípios:
Transparência
Equidade
Prestação de Contas
Responsabilidade corporativa
No que diz respeito às regras seguidas no dia a dia, a Cooperativa mantém uma área de Controles Internos subordinada à Diretoria de Governança, Riscos e Compliance. Na Credicitrus, os controles internos não possuem somente caráter preventivo, mas também de efetividade como suporte à gestão dos negócios em suas variadas instâncias: planejamento estratégico, execução e controle de processos e tomada de decisões.
A Credicitrus adota instrumentos modernos de gestão, como o planejamento estratégico, alinhando-se assim às mais avançadas organizações do mercado. Por meio do planejamento estratégico, o Conselho de Administração define objetivos de longo prazo para a Cooperativa, os quais são traduzidos em orçamentos e projetos específicos. A área de Projetos acompanha e avalia de forma recorrente o andamento de cada projeto e as condições internas e externas que podem afetar sua concretização, reportando à Diretoria Executiva os resultados, que atua realizando as correções de rumo sempre que necessário.
A transparência deve estar não só na clareza das regras de conduta a serem seguidas por todos, mas igualmente na comunicação aberta e regular. A Equidade não é sinônimo de igualdade; significa tratar a todos igualmente, respeitando suas diferentes necessidades. A prestação de contas consiste em manter o cooperado a par da evolução da Cooperativa e de tudo o que é feito visando a prestar-lhe bons serviços e proteger seu patrimônio. A responsabilidade corporativa se traduz nos cuidados com a perenidade e sustentabilidade da organização, ou seja, com a sua longevidade, exigindo que a definição dos negócios e das operações não se limite ao aspecto econômico, mas que também inclua considerações de ordem social e ambiental.
Na Credicitrus, a responsabilidade pela governança cabe ao Conselho de Administração, o mais alto grau de representação dos cooperados, que define as estratégias a serem executadas pela Diretoria Executiva. O Conselho é eleito a cada quatro anos, sempre em Assembleia Geral Ordinária. A Diretoria Executiva é nomeada pelo Conselho de Administração e apoiada por comissões e colaboradores em nível gerencial e de supervisão, os quais coordenam os trabalhos dos demais funcionários, incluindo estagiários, aprendizes e terceiros. Todas as atividades são monitoradas pela Auditoria Interna e Auditoria Cooperativa, e as demonstrações financeiras da Cooperativa ainda são submetidas periodicamente a uma Auditoria Externa e ao controle do Conselho Fiscal, este também eleito pelos cooperados em Assembleia Geral Ordinária, tendo mandato de três anos. Assim, em todos os níveis, a gestão da Cooperativa é exercida visando a garantir o benefício e a segurança de seus associados. Finalmente, com o objetivo de facilitar a comunicação e o relacionamento entre os cooperados e a Cooperativa, foram criados a Ouvidoria e o Canal de Conduta Ética, de forma a aproximar da gestão, as partes que se relacionam com a cooperativa (cooperados, funcionários, prestadores de serviços, fornecedores, entre outros), possibilitando maior agilidade na correção de eventuais inconformidades.

A Cooperativa atua em conformidade com sua Política de Governança Corporativa, com o propósito de somar forças para gerar prosperidade, transformar vidas e desenvolver a comunidade.

A governança da Sicoob Credicitrus é composta:

Conselho de Administração – 2018 a 2022

Marcos Lourenço Santin – Presidente
Maria Tereza de Souza Lima Uchôa – Vice-presidente
Antonio Júlio Junqueira de Queiroz – membro vogal
Carlos Eduardo Porto Miglino – membro vogal
Claudemir Strachicini – membro vogal
Maria Áurea Trindade Lopes Poleselli – membro vogal
Raul Huss de Almeida – membro vogal 


Conselho Fiscal – 2020 a 2023

Efetivos:

Marcos Antônio Mutton Júnior – Coordenador
Charles Alecsander Henrique Teixeira
Fernando Moura Botti

Suplentes:

Alberto Kazuaki Setoguchi
Carlos Eduardo Prudente Corrêa Júnior


Diretoria Executiva

Walmir Fernandes Segatto – Diretor-presidente Executivo
Denise T. da Silva de Almeida – Diretora de Governança, Riscos e Compliance
Domingos Sávio Oriente Franciulli – Diretor Comercial
Marcelo Antonio Soares – Diretor de Operações
Marcelo Martins – Diretor de Tecnologia e Gestão

Comitê de Auditoria

Maria Madalena Fernandes Rocha – Coordenadora
Marcos Lourenço Santin
Maria Tereza de Souza Lima Uchôa
Raul Huss de Almeida